sexta-feira, 18 de abril de 2014

Artur – O primogênito



Coitado foi um baita cobaia de uma mãe neurótica, metódica e xiita. E continua sendo. Mas atualmente a mãe anda mais medicada...

É um cara superinteressante, como a maioria dos garotos da sua idade (5 anos)! Curioso, falante, perspicaz, cheio de energia. Diagnosticado em novembro de 2013 (ano passado) como portador de altas habilidades, o que explica alguns comportamentos irritantes e serve de alerta para que os que convivem com ele tenham uma dose extra de paciência com seu temperamento intenso. O cara é fruto do que fizeram com ele.  Mais especificamente do que eu fiz com ele.
Adora brincadeiras onde possa testar seus limites físicos. Lutas, corridas e skate estão entre as suas preferências. Mas é perfeitamente capaz de passar uma manhã inteira montando um Lego, por exemplo.

Precisa muito se sentir amado. Pede demonstrações de afeto o tempo todo. Mas não é muito carinhoso. É desajeitado e estabanado. Parece que sua mente ágil não cabe dentro do seu corpo de criança.

Nenhum comentário: